Sexta-feira, 6 de Julho de 2007

Brusca saudade

Na brusca saudade

Uma lágrima escorre

rolando cheia de vaidade

pelo belo rosto que percorre.

Que na manhã desperta

Viver cheia de Vontade

O sol que nas mãos aperta

Buscando toda a sua claridade.

Diz de voz baixa

O que lhe vai no coração

Amor que nela encaixa

Segura em sua emoção.

Saudade que fica

Na sintese da solidão

saudade que se abriga

em sua nobre oração...

A cada manhã que vai e vem

Agarrando o sol em sua mão

A noite que nada tem

Buscando a Luz na Escuridão.

Sou Saudade que na noite bela

Que da minha voz ouvi...

Entoar toda a cidadela

Chamando Amor, por ti...

publicado por Susana Ber. expressar às 00:04
link do post | favorito
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 5 seguidores

.pesquisar

 

.Março 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Vida tão curta...

. Amar

. Emoções que comandam

. Vidas...

. Carta a minha Mae

. Esquecida...

. Anjo

. ...

. Eternidade...aquilo que s...

. Aceitação...Entrega...

.arquivos

. Março 2011

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Março 2009

. Abril 2008

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Desabafo da Alma

. Os Quatro Elementos

SAPO Blogs

.subscrever feeds